Vão morrer na rua!

José Horta Manzano

Chamada Fato Amazônico, 29 jan° 2021.

O corpo do artigo informa que o recém-nomeado ‘assessor de Pazuello’ é general. Como o chefe. O que está fazendo essa leva de generais da reserva em postos que requerem tato e diplomacia? Foram para a reforma e estão sendo pagos por nós para ficar em casa, de pijama, bonitinhos, assistindo às novelas. Que cumpram o combinado. Não faz sentido receberem ordenado extra para soltar ameaças.

Quando se lê nas entrelinhas, as palavras do aspone soam como ameaça aos enfermos. É como se o imbecil tivesse dito: “Olhaí, vagabundos, tratem de melhorar, se não vão sofrer as consequências!”.

Lugar de elefante não é em loja de porcelana, principalmente quando o país enfrenta uma pandemia altamente letal. Quem é que essa gente pensa que é?

O grau de civilização de uma sociedade se reconhece pelo modo como trata seus elementos mais frágeis.

2 pensamentos sobre “Vão morrer na rua!

  1. Infelizmente, eles acham que são donos do país e ainda não entenderam que a população não é composta apenas por soldados rasos, seus subordinados. A sua raiva, a raiva de sua leitora/comentarista de ontem e a revolta da maioria dos brasileiros com a incompetência e irracionalidade dessa gente são também – e desde sempre – a minha raiva, indignação e revolta. Sinceramente, não gostaria de estar viva para presenciar as consequências terríveis de todo esse descalabro.

    Curtir

Dê-me sua opinião. Evite palavras ofensivas. A melhor maneira de mostrar desprezo é calar-se e virar a página.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s