Embaixador não grato

José Horta Manzano

De onde vem a palavra?
Nosso vocábulo embaixador tem origem um tanto controversa. Os estudiosos se dividem em duas correntes.

Alguns acreditam que a palavra embaixada provenha de uma voz latina ambaxus, que significa servo, servidor.

No entanto, a maior parte dos etimologistas considera que embaixada seja de origem germânica. É parente do termo Amt, que, no alemão moderno, equivale ao bureau francês e ao office inglês. Em português, Amt se traduz por repartição, secretaria, departamento – dependendo do contexto.

Seja qual for a origem, embaixada e embaixador traduzem uma noção de serviço prestado. De serviço prestado ao público, mais precisamente.

Embaixador nos tempos de antigamente

Como atiçar (mais) uma crise
Neste domingo, vazou a notícia de que doutor Bolsonaro proibiu seus ministros de entrarem em contacto com o embaixador da China no Brasil.

Está, portanto, vedado a todos os ministros, assessores e auxiliares do presidente receber o embaixador, visitá-lo ou comunicar-se com ele por qualquer meio que seja. Como já explicou uma vez nosso ministro da Saúde, “um manda e outro obedece”. É de crer que, também desta vez, a ordem presidencial será cumprida. Sem um pio.

É de conhecimento de todos que nosso presidente é ignorante em matéria de relações internacionais. Só que tem uma coisa: ainda que sejam ignoradas, regras são regras e continuam a existir.

A função diplomática é carregada de simbologia. Recusar-se a receber o representante oficial de um país estrangeiro é ofensa grave feita àquele país. Enquanto o desplante é obra de um dos bolsonarinhos arteiros, sempre se pode pôr na conta de desvario de adolescente desocupado. Quando, porém, a afronta vem do presidente em pessoa, a coisa sobe de patamar e se torna oficial.

Se o embaixador está em Brasília a representar seu país, é porque foi acreditado pelo governo brasileiro, ou seja, recebeu o que em francês diplomático se diz “agrément”.

Ao rejeitar esse senhor e privá-lo do exercício de suas funções, o governo brasileiro o está descredenciando, o que equivale a declará-lo persona non grata (= pessoa indesejável), um convite a deixar rapidinho o território nacional.

Talvez o governo chinês, que é pragmático, consinta em engolir (mais) essa cobra. Mas pode até ser que estejam de paciência esgotada. Se reagirem expulsando o embaixador do Brasil em Pequim, que ninguém se surpreenda.

2 pensamentos sobre “Embaixador não grato

  1. Caro Manzano, não vou nem comentar mais essa fanfarronice do nosso JB porque esse presidente é “hors concours” em matéria de grosseria e inabilidade política. Mas eu gostaria de tecer um comentário sobre a origem da palavra “embaixador”, que é mais a minha praia, De fato, o alemão “Amt” tem a ver com o nosso “embaixador”, só que “Amt” em antigo alto alemão era “ambaht”, que veio do celta *”ambaktos”, que também deu em latim “ambactus”. Ou seja, a origem mais provável da palavra tanto nas línguas germânicas quanto nas românicas é o celta, formado pelo prefixo *”ambi-“, que também existe em latim, e *”aktos”, cognato do latim “actus”, isto é, particípio passado do verbo “agere”. E *”ambaktos” em celta queria dizer “servo, serviçal”. Um abraço!

    Curtido por 1 pessoa

    • Tem razão, caro Bizzocchi. Na preparação do artigo, consultei até dicionário etimológico alemão, que era pra ter um panorama mais largo. Me inteirei de todo o percurso, desde o Andbahts gótico até a atual embaixada. Só que, na hora de finalizar, tomei um atalho, encurtei o assunto e apenas sobrevoei rápido a parte etimológica. Não via a hora mesmo é de chegar às conclusões, o verdadeiro objetivo do desabafo.

      Forte abraço.

      Curtir

Dê-me sua opinião. Evite palavras ofensivas. A melhor maneira de mostrar desprezo é calar-se e virar a página.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s