Muro antipipi

José Horta Manzano

Você sabia?

Numerosas grandes cidades têm um «bairro quente», aquele distrito onde se concentram diversões noturnas, cabarés, sex shops, casas de prostituição.

Em Paris, o bairro de Pigalle tem representado esse papel durante décadas. Embora, hoje em dia, o encanto esteja um pouco esmaecido, Pigalle permanece, pelo menos no imaginário do turista, o centro parisiense dos prazeres noturnos.

Bairro de Sankt Pauli, Hamburgo, Alemanha

Bairro de Sankt Pauli, Hamburgo, Alemanha

O bairro quente de Amsterdam é De Wallen, o famoso «red light district» ‒ distrito da luz vermelha. Na região, a atração mais típica são as vitrines iluminadas de vermelho por detrás das quais moças, usando lingerie pra lá de erótica, esperam pela chegada de novo cliente. Assim que um candidato toca a campainha, a cortina se fecha e tapa a vista.

Hamburgo, a grande metrópole do norte da Alemanha, tem o conhecido bairro de Sankt Pauli, perto do centro da cidade. No mesmo estilo de seus congêneres holandês e francês, conta com incontáveis clubes, casas de show, “inferninhos” & companhia.

Pipi 1Na Alemanha, toma-se muita cerveja. Como manda a natureza, todo líquido que entra no corpo tem de sair. O resultado de ingurgitar litros de bebida é a necessidade premente e frequente de urinar. Os festeiros, sem paciência para encontrar lugar adequado, satisfazem sua necessidade na rua mesmo. O resultado é uma fedentina dos diabos, que incomoda os moradores.

Para pôr fim ao incômodo, a coletividade bolou sistema engenhoso. Trata-se de uma pintura especial que manda todo líquido de volta a quem o lançou. Quando um incauto faz pipi encostado a um muro revestido com esse material, recebe o líquido de volta nos sapatos e na parte baixa das calças.

Não urinar aqui! Urinamos de volta.

Não mijar aqui!
Mijamos de volta.

O intuito não é surpreender ninguém, mas evitar que sujem o bairro. Tanto é assim, que os muros tratados estão assinalados com placas.

Está aí uma ideia que pode servir para coibir incivilidades de carnavalescos tropicais.

Um pensamento sobre “Muro antipipi

  1. Prezado escritor, sua proposta é excelente mas me parece difícil o povo de Pindorama se adequar. É preciso ver e cheirar o perfume das ruas do país após o Carnaval ou jogo de futebol nem mesmo com banheiro público a Praça Charles Miller do Estádio do Pacaembú fica incólume.

    Curtir

Dê-me sua opinião. Evite palavras ofensivas. A melhor maneira de mostrar desprezo é calar-se e virar a página.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s