Cavanhaque

José Horta Manzano

Na primeira metade do século 19, a França viveu uma época de grande agitação social, com insurreições, golpes e revoluções. Louis Eugène Cavaignac (1802-1857) destacou-se como militar e homem político. O homem marcava presença em todos os movimentos. Só sossegou quando perdeu (feio) as eleições presidenciais de 1848. A propósito, diga-se que, despeitado, recusou-se a reconhecer o resultado do pleito.

Na França, é um nome histórico um tanto esquecido. Pouco se ouve falar dele. Já no Brasil, curiosamente, o general é lembrado diariamente. É que, por uma dessas peças que história prega, o francês emprestou seu sobrenome a um atributo masculino que está muito de moda: o cavanhaque.(*)

É interessante notar que, de uma trintena de línguas que consultei, nenhuma usa essa palavra pra indicar a barbicha que muitos homens, hoje em dia, deixam crescer na ponta do queixo. Na pátria do general, o atributo se chama barbiche ou barbichette. Várias línguas lembram da imagem do bode e dizem algo como barba de bode (kaprobarbo em esperanto, por exemplo).

General Louis Eugène Cavaignac (1802-1857)

Descobrir o porquê desse uso nosso custou alguma pesquisa. Em Portugal, a barbicha chama-se pera(ê). A palavra cavanhaque, para nomear essa excrescência pilosa, é exclusividade brasileira. Pelo que consegui encontrar, teria sido usada pela primeira vez por um dos integrantes da equipe do Marechal Rondon, o conhecido sertanista.

Quem relata é o filósofo e linguista francês Jacques Derrida (1930-2004), em seu livro De la Grammatologie. Os sertanistas costumavam dar apelidos aos índios. Numa incursão, em contacto com uma tribo de nhambiquaras, travaram conhecimento com um indígena de barbicha ‒ coisa rara, visto que índios costumam ser imberbes. Um dos sertanistas deu-lhe o apelido de Cavanhaque, justamente por achá-lo parecido com o general francês. Não consegui saber como é que o apelido de um índio se difundiu a ponto de cobrir o país inteiro.

Se tudo isso é verdade, não posso garantir. É o relato fiel do que encontrei. Se alguém tiver melhor explicação, eu ficaria feliz em conhecer.

(*) Cavaignac pronuncia-se cavenhac.

Dê-me sua opinião. Evite palavras ofensivas. A melhor maneira de mostrar desprezo é calar-se e virar a página.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s